A Coreia do Norte tem o seu primeiro festival de cerveja

Partilhar por e-mail










Enviar
840
Partilhas

A Coreia do Norte é provavelmente um dos últimos países onde imaginaria que houvesse um festival de cerveja, mas a verdade é que a sua capital teve o seu primeiro evento desse tipo.

O festival ao ar-livre começou na passada sexta-feira na capital Pyongyang com uma prova para 200 convidados e depois foi aberto ao restante público. Terá uma duração de 20 dias.

Choe Yang Nam, o Director Geral da Agência de Serviço do Povo (ou título semelhante), terá feito algumas declarações que não fogem ao que aquele país nos tem habituado: “Este festival de cerveja Pyongyang Taedonggang, realizado na encantadora e linda margem do Taedong, é uma ocasião importante. (…) Que mostra a superioridade e vitalidade do nosso estilo de sistema socialista, que tem tudo a ver com o povo”.

coreia-norte-festival-cerveja-1

Ao contrário da maioria dos festivais a que estamos habituados, a variedade não era o forte do festival. Acontece que o objectivo principal do festival era a promoção da cerveja Taedonggang, que é detida pelo estado.

A ‘Taedonggang Brewing Company’ foi fundada em 2002, quando o então líder Kim Jong Il, que sempre gostou de beber uns copos, decidiu comprar o equipamento de uma cervejaria britância que fechou e transportá-lo para o seu país.

coreia-norte-festival-cerveja-3

No festival é possível beber sete variedades de Taedonggang, incluindo cervejas com chocolate e café, mas a mais popular é sem dúvida a Taedonggang original, uma cerveja com 5% de álcool de um estilo que, ironicamente, pode ser considerado americano. Dizem que a cerveja é uma lager encorpada, tendencialmente adocicada e com um final ligeiramente amargo.

De momento a cerveja está apenas está disponível na Coreia do Norte e em pequenas quantidades na China.

A reportagem do evento mostra um festival bastante diferente. Ora veja:

Deixe uma mensagem!