Cervejas portuguesas entre as mais baratas

[ultimatesocial skin="easy" networks="facebook,twitter,mail,total" custom_class="ultimatesocial-single top" count="false" align="left" share_text=""]

Texto de Imagens De Marca (jornalista Ana Gaboleiro):

Como destino turístico, Portugal continua a dar cartas na hotelaria e gastronomia. Desta vez, um estudo realizado pela GoEuro, uma ferramenta de pesquisa de viagens online, coloca Lisboa em 4º lugar no ranking das cidades com as cervejas mais baratas do mundo.

O estudo, que calculou o custo médio de compra de algumas das cervejas mais conhecidas, em 40 cidades, refere que uma cerveja de 33cl na capital portuguesa tem um custo médio de 0,98 euros. O que faz com que Lisboa fique apenas atrás de Varsóvia (0,80€), Berlim (0,83€) e Praga (0.94€), no top das mais acessíveis.

No entanto, há três cidades pagar por uma cerveja se torna numa pequena despesa, entre elas estão Oslo (com 3,62€), Zurique (3,10€) e Tokyo (3,09). O Rio de Janeiro ocupa a 10ª posição, com uma média de 1,75 euros por cerveja, o que coloca a cidade brasileira numa das mais caras do mundo. Segundo os responsáveis, este valor reflete o custo de vida dos brasileiros devido à rápida ascensão vivida no país.

Segundo Naren Shaam, Presidente Executivo e Fundador da GoEuro, “a cerveja é popular em todos os países do mundo e é um ingrediente básico de quase todas as férias. Neste sentido, é uma ótima maneira de obter uma ideia de como caro, ou barato, uma cidade será para os viajantes de todo o mundo”.

Dependendo das fontes e métricas utilizadas, o ranking varia um pouco, como se poderá constatar pelo artigo previamente publicado aqui: “O preço da cerveja no mundo“.

Embora o custo baixo da cerveja seja apelativo para os locais e turistas, provavelmente tornará a vida mais complicada aos produtores de cerveja artesanal que terão mais dificuldade em justificar a diferença de preço tão elevada para as cervejas produzidas em massa.

Deixe uma mensagem!