Alssop's Artic Ale

A cerveja de $500.000 – a mais rara do mundo

Partilhar por e-mail










Enviar
32
Partilhas

Há coleccionadores capazes de gastar autênticas fortunas em objectos raros e há vendedores que por vezes fazem autênticos “negócios da China”. Foi isso que aconteceu no eBay em 2007, com uma garrafa rara da cerveja britânica “Samuel Alssop’s Artic Ale”.

Um coleccionador de Oklahoma, Estados Unidos, conseguiu comprar um exemplar por apenas $304 num leilão do eBay. O valor foi tão baixo porque o vendedor enganou-se a escrever o nome – colocou “Allsop’s” em vez de “Allsopp’s” – e por isso o leilão passou despercebido.

Pouco tempo depois o novo dono colocou a garrafa novamente à venda no eBay, mas desta vez com o nome correcto, o que atraiu 157 interessados e resultou na venda por uns impressionantes $503.300 !  O vendedor original deve estar arrependido.

Allsopp's Artic Ale

A história trágica por detrás da Alssop’s Artic Ale

Em 1845 o Contra-almirante britânico Sir John Franklin liderou uma expedição ao Árctico Canadiano com o objectivo de cartografar e navegar a passagem noroeste entre o Atlântico ao Pacífico. A missão falhou. Os navios naufragaram e as suas tripulações morreram. Sir John Franklin foi considerado um herói nacional e a Rainha Vitória ordenou que fossem feitos esforços no sentido de encontrar vestígios dos barcos ou da tripulação e tentar perceber o que tinha acontecido. Entretanto, a rainha pediu aos cervejeiros de Burton – região famosa pelas suas cervejas fortes que eram exportadas para todo o mundo – que criassem uma cerveja “que sustentasse a vida” (a vitamina B era importante na prevenção do escorbuto) para abastecer cinco navios para a nova expedição, que foi liderada por Sir Edward Belcher. A Alssopp’s ganhou o contracto de produção da cerveja.

Foi em 1851 que Belcher iniciou a sua viagem, mas não conseguiu encontrar quaisquer vestígios da expedição de Franklin. São conhecidas apenas duas garrafas de Artic Ale de 1851 e estão nos Estados Unidos.

Em 1857 a cerveja foi novamente produzida para nova expedição, desta vez liderada por Sir Leopold McClintock e novamente sem qualquer sucesso. Não há conhecimento de existirem actualmente garrafas desse ano.

A Artic Ale ainda foi produzida por uma última vez, em 1875, para a expedição de Sir George Nare em busca do Pólo Norte. Foram encontradas recentemente várias garrafas desse ano em Burton.

Em 1935 a Allsopp’s fundiu-se com a Ind Coop e mais tarde tornou-se parte do grupo Allied Breweries. A antiga unidade de produção da Allsopp’s acabou por ser transformada em escritórios e recentemente foram encontradas dezenas de garrafas antigas nas suas caves, incluindo algumas amostras de Artic Ale de 1875.

Fonte: typohound; beer-pages

1 comentário

Pode deixar comentários nesta publicação

Deixe uma mensagem!