Genes decisivos na percepção do sabor do álcool

Partilhar por e-mail










Enviar

Um novo estudo sugere que os genes poderão ter um papel fundamental na percepção do sabor do álcool.

O estudo publicado recentemente na revista Alcoholism: Clinical and Experimental Research concluiu que pessoas com uma versão de um gene receptor de sabores amargos acham determinadas bebidas alcoólicas menos amargas do que aqueles que possuem uma outra versão do gene.

O investigador, Dr. John E. Hayes, acrescentou que, apesar de ser interessante que um pequeno factor biológico possa ter um papel tão relevante, não é de ignorar o enorme impacto que os factores culturais e ambientais têm no comportamento de consumo de álcool.

Também foi referido que as pessoas que acham o sabor do álcool menos amargo poderão ter uma maior inclinação para a bebida, o que poderá ser uma importante para ajudar na prevenção de dependências. Mas para já é apenas uma especulação e o investigador pretende estudar esssa possibilidade de forma aprofundada.

Fonte / Mais detalhes (inglês): Is Booze Tasty Or Bitter? Your Genes Decide

Deixe uma mensagem!