Bacchus Frambozenbier

Partilhar por e-mail










Enviar

Bacchus Frambozenbier

Produzida por Brouwerij Van Honsebrouck (Bélgica)
Estilo: Fruit Beer / Sour Red/Brown
Álcool/vol: 5%

A Frambozenbier – ou, literalmente, “cerveja de framboesa” -, é produzida utilizando como base a cerveja Bacchus Oud Bruin – a “old brown” ou “velha castanha” (em português soa claramente pior…). O produtor realça a diferença para outras cervejas de framboesa no mercado, que são geralmente baseadas em estilos lambic ou gueuze.

Ainda não provei Oud Bruin, mas será interessante compará-la depois com esta cerveja, já que não tive oportunidade de fazer a prova pela ordem inversa, o que faria mais sentido.

Aspecto: cor castanha, tipo terra, apenas levemente avemelhada (semelhante aos sumos naturais de frutos vermelhos como o morango ou, obviamente, a framboesa); espuma com pouca presença.

Aroma: agradável e óbvio aroma a framboesa, com um apontamento azedo em segundo plano que faz lembrar cervejas do estilo lambic e semelhantes (não digam ao produtor que eu disse isso).

Na boca: no início é doce e com um expressivo sabor a framboesa – quase como uma cerveja mais comum misturada com um xarope de framboesa -, mas depois surge um sabor ácido e azedo moderados que compensam a doçura e garantem algum equilíbrio. O lúpulo é praticamente imperceptível. Termina com um agradável ácido com sabor a framboesa que ajuda a cortar definitivamente com o doce inicial e impede que seja enjoativa. Fácil de beber e leve.

Sinceramente esperava algo muito diferente, mas definitivamente pior. Fez-me lembrar a cerveja com groselha, uma mistura mais ou menos comum em esplanadas portuguesas (pelo menos na minha área), mas em versão muito mais interessante e “nobre”. O sabor a framboesa é muito agradável e o seu adocicado compensa a ligeira acidez tipo limão.

O meu primeiro instinto é de que a Frambozenbier seria baseada numa lambic ou semelhante, mas como o produtor fez questão de realçar que não era, fiquei com mais curiosidade em experimentar a Oud Bruin, cujas características apenas conheço “no papel”.

Já percebi que esta cerveja divide muito as opiniões. Talvez (especulo) porque muitos são sensíveis em relação à adição de frutos à cerveja. Eu tento deixar de parte esses preconceitos e concentro-me no sabor. Eu gostei. E pediria uma para beber na esplanada, numa tarde de Verão.

Bacchus Frambozenbier

Bacchus Frambozenbier

Deixe uma mensagem!