Judas

Judas

Produzida porBrouwerijen Alken-Maes (Heineken)(Bélgica)
Estilo:Belgian Strong Ale
Álc/vol:8.5%

A Judas é produzida pela Alken-Maes, que actualmente pertence à Heineken. O seu nome, de conotação negativa, é provavelmente inspirado no da Duvel - que significa Diabo. A Duvel é considerada por muitos como a principal referência para o estilo Blonde Ale belga, por isso algumas cervejas vão buscar inspiração ao seu nome. Satan e Lucifer são outros exemplos.

Aspecto: dourado claro; relativamente límpida; pouca espuma e dissipa-se rápido.

Aroma: malte doce; especiarias muito ténues; no fundo sente-se um pouco de álcool.

Na boca: Malte doce; presença subtil do álcool - não aparenta ter 8.5% - e também do lúpulo, o suficiente para ajudar no equilíbrio dos sabores; não é particularmente complexa e o carácter da levedura belga, normalmente descrito como ‘especiarias’, não é evidente.

Tal como algumas das últimas cervejas que bebido, o álcool está muito bem disfarçado. É muito suave e agradável, embora sem muito do carácter que normalmente atribuímos a este tipo de cerveja belga, nomeadamente no que diz respeito à presença das ‘especiarias’. É uma cerveja “simpática”, relativamente simples, mas nem todas as cervejas precisam ser muito complexas. Se estiver “à mão”, pode valer a pena experimentar, caso contrário há outras cervejas desta família que merecem maior prioridade.

Reparei que tem uma pontuação surpreendentemente fraca no Ratebeer, o que me faz pensar se o facto da marca ser controlada da Heineken terá tido alguma influência nas votações… :-)

Judas